WordPress: O que é, para que serve e quais as suas principais vantagens

Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on print
Edmundo Lapin

Edmundo Lapin

Se você pensa em criar sites provavelmente vai se deparar com uma imensa lista de onde você pode fazê-los, e com toda certeza vai ouvir falar do WordPress. Mas o que é? Para que serve? É grátis?.

Criar sites e mantê-los atualizados de forma prática e fácil é um sonho de qualquer pessoa que pretende manter seu negócio online, mas nesse grande mercado com várias opções disponíveis para você colocar seu lado criativo à tona, muitas vezes ficamos perdidos com tantas informações sobre qual CMS usar.

Mas o que é WordPress?

O WordPress é um CMS, uma plataforma para você criar o seu blog, mas ele vai além disso e permite criar e-commerces, redes sociais, sites empresariais, fóruns, e uma infinidade de coisas. Ele é um ótimo aliado tanto para web designer quanto para pessoas que não trabalham fazendo sites, pois é muito fácil de administrar e de criar páginas sem precisar mexer com códigos ou ser expert no assunto, possui complementos perfeitos que quando aliados a uma boa criatividade rendem um ótimo resultado.

Existem duas formas para você usar o gerenciador de conteúdo: baixando direto do wordpress.org e instalando direto na sua hospedagem de forma gratuita ou através do wordpress.com, onde você vai pagar uma mensalidade. E claro, tu podes escolher um serviço para hospedar seu site que seja mais barato e que pode instalar o wordpress com apenas alguns cliques sem confusão.

Então, para ficar mais claro:

  • O wordpress.org é gratuito e pode ser baixado para ser instalado no seu host para uso livre e absolutamente sem pagar nada por isso.
  • O wordpress.com é pago, se você não possui uma hospedagem ele é uma opção para você. MAS, indico pesquisar e contratar uma mais em conta.

O WordPress é um CMS, mas o que significa?

É uma sigla para “Content Management System” que em português significa Sistema de Gerenciamento de Conteúdo, e portanto sua sigla em português passa a ser SGC. Apesar de aparentemente para o usuário ser somente uma ferramenta, na prática o que caracteriza esse sistema é o conjunto de funções dentro dele que possibilita o manuseio de criar, editar e publicar qualquer tipo de coisa sem necessariamente ter conhecimento em algum tipo de linguagem de programação.

Como surgiu o WordPress e quem o criou?

Quando os dinossauros foram extintos no início da era Mesozóica, haha brincadeira. Ele surgiu em 2003 na época era chamado de b2/cafelog, um projeto criado por Mike Little e Matt Mullenweg e partiu da necessidade de criar um sistema de publicação que fosse fácil de usar, bonito e com uma estrutura boa.

A sua primeira versão oficial foi lançada em 27 de maio de 2003 e de lá pra cá foram lançadas 40 atualizações, sempre melhorando sua performance, design e segurança. A última atualização desde a postagem desse artigo foi dia 09 de março de 2021.

Curiosidade: Após o primeiro lançamento todos os nomes dados às grandes versões possuem o nome de um cantor de Jazz, pois de acordo com o próprio WP os desenvolvedores possuem um amor muito grande pelo estilo musical.

Quais requisitos mínimos para executar o WordPress na hospedagem?

Se você é um pouco avançado no assunto isto pode ser interessante, mas se não é mantém a calma pois 99% das empresas que oferecem hospedagem de site cumprem com estes requisitos mínimos.

São eles:

  • PHP versão 7.4 ou superior.
  • MySQL versão 5.6 ou superior ou MariaDB versão 10.1 ou superior.
  • Suporte HTTPS

Se você tiver alguma dúvida se a empresa que vai hospedar seu site possui esses requisitos, basta mandar uma mensagem para o suporte dela antes de contratar:



“Olá, antes de contratar o serviço de hospedagem eu preciso saber se vocês possuem estes requisitos:
  • PHP versão 7.4 ou superior.
  • MySQL versão 5.6 ou superior ou MariaDB versão 10.1 ou superior.
  • Suporte HTTPS
Aguardo o retorno de sua mensagem, obrigado!”

Por que você deve utilizar, e quais as vantagens do WordPress?

De todos os sites existentes no mundo, hoje ele é responsável por 41% de tudo que está no ar e se levarmos em consideração as páginas que usam sistema de gerenciamento de conteúdo uma parcela de 64,7% é somente do WordPress, atrás dele temos:

  • Shopify – 5,4%
  • Joomla! – 3,3%
  • Squarespace – 2,5%
  • Wix – 2,4%
  • Drupal – 2,3%
  • Bitrix – 1,6%
  • Blogger – 1,5%
  • Magento – 1,1%
  • OpenCart – 1,1%

Outros são abaixo de 1%.

O que faz esses números serem altos é exatamente suas vantagens em cima do que existe no mercado hoje, podemos citar claramente algumas que fazem este SGC ser gigantesco e bater de frente aos que buscam estar neste mesmo patamar.

Então vamos a lista de vantagens:

  1. Gratuito – Por ter um sistema de código aberto, isto significa que seu uso é feito por grandes desenvolvedores sem fins lucrativos, fica muito mais fácil a sua escolha pois sabemos que além da mensalidade da internet, quando temos um negócio online, sempre temos uma mensalidade disso ou daquilo e acaba ficando muito caro sustentar uma parte do nosso projeto. Neste motivo, ele sai na frente em disparado.
  2. Fácil instalação – Algumas hospedagens já possuem um instalador de aplicativos nativo em sua base, isso facilita muito na hora de dar os primeiros passos pela simplicidade do processo de instalação. Outras permitem que a instalação seja feita de forma manual, mas não é um bicho de sete cabeças, você consegue fazê-la vendo um tutorial no youtube.
  3. Sem programação – Se você não é um desenvolvedor ou programador, fica muito mais fácil aproveitar o sistema pois ele apresenta um design fluido e fácil de aprender a mexer. Mas se você tem conhecimento em programação, você poderá mexer nos códigos das páginas livremente para fazer o que quiser, mesmo que o sistema não necessite escrever códigos às vezes você pode personalizar ainda mais algum tema.
  4. Plugins e temas – Uma coisa interessante é a diversidade de plugins gratuitos e temas em diversas áreas para centenas de possibilidades, pelo fato do WordPress ser o CMS mais utilizado isto faz com que os desenvolvedores criem mais conexões e sincronização de diversos aplicativos e sites de outras plataformas. Existem plugins premium que têm grandes funcionalidades e acabam deixando seu desenvolvimento mais bonito e profissional, assim como temas pagos.
  5. Atualização e segurança – Você precisa de segurança para os seus dados e seus produtos, e a atualização é algo fundamental para manter sua base de informação sempre atenta às ameaças da atualidade.
  6.  Uso em dispositivos móveis – Uma grande parte dos usuários estão deixando o computador ou notebook de lado e acessando páginas pelo celular, esse grande número de acesso se dá pelo alto número de smartphones no mercado e pela facilidade de acessar um site de qualquer lugar e quando quiser.

Bônus: Curiosidade sobre o WordPress

Agora pra finalizar você já sabe que uma quantidade enorme de sites usam o wordpress, mas você sabia que muitos são famosos? Dá uma olhada:

  • Sony Music
  • Lady Bird Education
  • Vogue
  • Snoop Dogg
  • Rolling Stone
  • Lollapalooza
  • Katy Perry
  • Obama

Agora você já sabe o que é o wordpress, sua história e importância no mercado de construção de sites. Se você quiser receber mais artigos, dicas e materiais, basta se cadastrar na minha lista VIP para receber sempre em primeira mão.

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on print

PARTICIPE DA
LISTA VIP

SEJA O PRIMEIRO A RECEBER TUDO O QUE SAIR AQUI NO SITE, DICAS, VIDEOS, PLANILHAS E EBOOKS.